17 de jul de 2017

Resenha: Ela Não é Invisível

Título: Ela Não É Invisível
Autor(a): Marcus Sedgwick
Gênero : Jovem Adulto
Páginas : 253
Editora : Galera

Eu adorei esse livro, li ele em menos de uma semana. Ele gira em torno de coincidências, obsessão, enfim ele é bem interessante e mostra como uma pessoa cega é capaz de fazer tudo que uma pessoa normal faz.

"Laureth Peack é uma garota cega, filha de um escritor de livros humorísticos e tem um irmão de apenas 7 anos (Benjamin). Ela ajuda seu pai a responder e-mails de fãs e críticos. Seu pai agora está trabalhando em um livro sobre coincidências e está meio obsecado com isso. Ele viaja para algum país da Europa para se inspirar no livro.


É aí que tudo começa, Laureth recebe um e-mail de um homem que afirma estar com o livro de anotações de seu pai, que o achou em Nova York e que ela teria que ir até lá pegar o livro e pagar uma recompensa. Ela acha muito estranho o 'livro breu' como seu pai o chama, estar em Nova York pois ele não iria para lá. Seu pai não dava notícias a dias e sua mãe nem ligava para isso.

Laureth então rouba o cartão de crédito da mãe, 'sequestra' seu irmão, compra duas passagens de avião para Nova York e embarca em uma missão louca e perigosa de encontrar seu pai. Ao chegarem em Nova York vão direto pegar o livro de seu pai, o garoto que o encontrou disse que simplesmente o livro caiu do céu ao lado dele. E a única pista que há no livro é um recibo de um hotel e um compromisso marcado.

Laureth e Benjamin vão para o hotel e pedem para ir ao quarto do pai, como o número da sorte de seu pai é 354 adivinharam o número do quarto imediatamente. Ao entrarem lá encontram roupas e malas de seu pai, mas ele não está lá e também não passou a última noite lá. Depois disso Laureth e Benjamin vão a procura de pistas no quarto e no livro Breu. Eles descobrem coisas estranhas e sem sentido."

Bom, se quer saber mais detalhes e o final do livro, leiam!! É muito bom. Me sigam no instagram @paloma.francine, tchau tchau!

- Paloma!

2 comentários:

© Isso ou Aquilo | - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Layouts para blog. Tecnologia do Blogger. imagem-logo