31 de jul de 2017

Resenha: Cidades De Papel

Título: Cidades De Papel
Autor(a): John Green
Gênero : Jovem Adulto
Páginas : 363
Editora : Intríseca

"Quentin e Margo são vizinhos e eram amigos desde pequenos. Com o tempo foram se distanciando até que.....Em um belo dia, Margo aparece na janela do quarto de Q, com a cara pintada de preto e um capuz. Acho que já dá pra sacar que ela é meio louca, e então aborda Q e a minivan dos pais dele com ele de motorista só pra frisar, e então vão pregar peças nos ex-amigos de Margo.O motivo: o namorado dela (Jason) estava traindo ela com a melhor amiga dela ( Becca). Na noite eles fizeram 11 coisas, dentre elas, ligar para o pai de Becca para flagrar ela e Jason no porão da casa dela, depois tirar foto do Jason correndo nu. Outras mais: colocar peixe nos carros, pixar a letra M, depilar a sobrancelha de Chuck Parson. Ah e não posso esquecer que eles invadiram o SeaWorld. 
 Quentin, apesar de quase ter morrido de nervos, ainda adorou passar uma noite fora da rotina e ainda com Margo! 

Quando chegou na escola no dia seguinte, super empolgado pra rever Margo e tudo mais, ela simplesmente tinha fugido de casa, e boatos sobre ela já começavam a aparecer. E é assim que a trama realmente começa... Quentin, fica desesperado e começa a procurar por pistas, já que ela costumava deixar pistas. E ela realmente deixa pistas pra ele, as quais ele não entende muito bem. Q conta com a ajuda de Ben e Radar para descobrir pistas e tudo mais, eles encontram um lugar abandonado e descobrem que Margo costumava ir até lá e então Q finalmente descobre que ela não era o que ele achava que era.

Pistas, e mais pistas, pistas que nem eram pra ser pistas, acabam levando Q, Radar, Ben, Lacey(namorada do Ben, e amiga de Margo) ás pressas pra Agloe, uma cidade de papel, que era pra existir apenas no papel (pessoas que fazem mapas colocam essas cidades para proteção contra quebra de copyright, tem bem explicadinho no livro) mas um cara resolveu construir um prédio no bem no lugar, então passou a existir realmente. E foi pra lá que eles embarcaram na minivan, apelidada de Dreidel."


 Bom, o livro é sensacional, leiam!! Não vou contar o final pra não perder a graça. Se gostou da resenha comenta aí. Me sigam no instagram @paloma.francine... é nóis!!

- Paloma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Isso ou Aquilo | - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Layouts para blog. Tecnologia do Blogger. imagem-logo